4 (80%) 16 votos

Palming [Empalmar] – Poderoso para manter nossa visão saudável

Cobrir os olhos com as mãos (Palming) para descanso total da visão é uma das melhores maneiras para relaxar os olhos, e descansar completamente o nervo óptico.
Palming

Palming

Encontre uma posição confortável (geralmente sentado, com os cotovelos apoiados em uma mesa, ou superfície), friccione as mãos juntas para aquecê-las, feche os olhos, e cubra-os com as palmas das mãos em formato de concha (para não tocar em cima do globo ocular, mas sim ao redor dele).

 
A ideia é impedir ao máximo a entrada de luz, relaxar e respirar profundamente, sem exercer pressão sobre os olhos.
5

Esfregue as mãos

6

Cubra os Olhos Fechados com as Palmas das mãos em Concha

Palming – Tempo de Exercício

Sessões de 6 minutinhos cobrindo os olhos, a cada 1 hora, são ideais se você estiver trabalhando no computador, lendo, ou exercendo alguma atividade cansativa para os olhos.
Caso não esteja realizando estas atividades, você pode praticar o Palming 1 a 2 vezes ao dia, por 6 minutos.

O palming, além de descansar os olhos, também é um exercício energizador. Quando colocamos as mãos sobre os olhos, respiramos profundo e imaginamos a escuridão, estamos fazendo um exercício muito poderoso e que também proporciona muita energia para os olhos.

Pela manhã, quando temos uma boa noite de sono, acordamos com muita disposição e energia. Quando nos sentimos bem e revitalizados, e fazemos o palming, transmitimos esta sensação e energia para os olhos. Por essa razão esse é o melhor horário para o exercício.

 

Praticando Palming no Parque Villa Lobos – SP.
 

IMPORTANTE

Os exercícios visuais NÃO substituem o tratamento médico oftalmológico convencional. Consulte regularmente o seu oftalmologista, pois o método de exercícios naturais para os olhos é complementar à sua saúde visual. Não desautoriza nem desestimula, de forma alguma, a continuidade do tratamento médico oftalmológico.
Em caso de dúvida ou desconforto em seus olhos, procure o médico oftalmologista. Só ele é autorizado a fazer diagnósticos e a receitar ou suspender qualquer tipo de medicação.Não se automedique nem suspenda qualquer tipo de medicamento ou de tratamento sem a autorização do seu médico oftalmologista.