IMPORTANTE

Os exercícios visuais NÃO substituem o tratamento médico oftalmológico convencional. Consulte regularmente o seu oftalmologista, pois o método de exercícios naturais para os olhos é complementar à sua saúde visual. Não desautoriza nem desestimula, de forma alguma, a continuidade do tratamento médico oftalmológico.
Em caso de dúvida ou desconforto em seus olhos, procure o médico oftalmologista. Só ele é autorizado a fazer diagnósticos e a receitar ou suspender qualquer tipo de medicação. Não se automedique nem suspenda qualquer tipo de medicamento ou de tratamento sem a autorização do seu médico oftalmologista.

Melissa é um dos exercícios que fazem do método de tratamento natural da visão especiais para  estimular o alongamento dos músculos oculares na parte externa. Ao mesmo tempo, esse movimento ajuda ainda a relaxar o pescoço e criar um equilíbrio no uso dos olhos. É excelente para portadores de Astigmatismo, Catarata e Glaucoma.

Melissa está dividido em duas fases. Ambas começam com um pedaço de papel escuro do comprimento entre sua testa e seu queixo, com a largura entre o centro do meio de seus olhos. Uma fita retangular. Prenda-o na testa e no queixo.

Dessa forma, para começar, o outro item que você vai precisar é uma bola. Jogue a bola de uma mão para a outra, como se estivesse fazendo um arco no ar. Dessa forma, siga a bola com os olhos, acompanhe ela, de uma mão para outra.

Melissa: respire, pisque, continue jogando a bola de uma mão para outra

Assim, passe então a jogar a bola para cima com uma mão e pegando com a outra. Brinque com isso por um tempo, jogue para cima, bata palma, ande, continue focado na bola e acompanhando seu caminho. Respire, relaxe. Continue o exercício.

Dessa forma, o que o Melissa faz é dar liberdade para seus olhos trabalharem independentes um do outro. O direito acompanha a bola até sua trajetória cruzar o retângulo preso entre seus olhos, depois disso, quem acompanha é o esquerdo.

Fortaleça ainda mais a visão

O próximo estágio deste exercício para abrir a visão consiste em abrir os braços retos e deixar eles estendidos para os lados, como Cristo Redentor. Em uma das mãos, segure uma bolinha, foque seu olhar na bola e, sem dobrar o braço, leve a bola em direção ao outro braço. Passe com a bola em frente a seus olhos.

Nessa fase, alongue as costas e sinta expandir o espaço entre as escápulas. Esse alongamento ainda traz mais sangue para o pescoço e, consequentemente, para os olhos.

Passe a bola de uma mão para a outra mais algumas vezes, sempre com os braços estendidos. Volte ao exercício anterior e acelere o final dele, jogando a bola para cima, batendo palma e andando enquanto faz isso.

Depois de alguns minutos, desacelere e, enfim, pare com o exercício. Relaxe e tire o papel preso à sua face. Tente perceber o quanto tudo está mais vivo, as cores mais fortes, as roupas mais coloridas e a natureza ainda mais intensa.

E isso acontece, já que primeiro você desmembra os olhos para que eles funcionem independentemente do outro. Quanto a bolinha estava em sua mão direita, seu olho esquerdo não a enxergava, o pedaço de papel tirava essa integração. Sem essa integração, ambos os olhos se fortaleciam. E quando você tira o pedaço de papel, seu cérebro integra tudo com uma força maior ainda.

No final de tudo, aproveite para fazer um Sunning. O calor invadindo os seus olhos será calmante e ajudará a fortalecer ainda mais a visão.

 

 

IMPORTANTE

Os exercícios visuais NÃO substituem o tratamento médico oftalmológico convencional. Consulte regularmente o seu oftalmologista, pois o método de exercícios naturais para os olhos é complementar à sua saúde visual. Não desautoriza nem desestimula, de forma alguma, a continuidade do tratamento médico oftalmológico.
Em caso de dúvida ou desconforto em seus olhos, procure o médico oftalmologista. Só ele é autorizado a fazer diagnósticos e a receitar ou suspender qualquer tipo de medicação.Não se automedique nem suspenda qualquer tipo de medicamento ou de tratamento sem a autorização do seu médico oftalmologista.