Início » Astigmatismo

Astigmatismo

Por |2018-12-03T12:26:26+00:001 de dezembro de 2018|2 Comentários
5 (100%) 6 votos

O Astigmatismo é uma alteração visual e pode resultar em uma visão borrada ou distorcida em todas as distâncias, independente do grau da doença. Afeta pessoas de qualquer idade e que geralmente também apresentam quadros de Miopia ou Hipermetropia.

Em todo tempo de experiência com o método Self-Healing de exercícios visuais, vários dos meus alunos já diminuíram e até zeraram o grau dos óculos sem precisar fazer cirurgia, apenas aderindo às práticas mais saudáveis para seus olhos. Isso porque muitos dos problemas oculares resultam dos maus hábitos visuais. Por isso, é importante, antes de tudo, entender como seus olhos funcionam.

No caso, o Astigmatismo tem tratamento e pode ser reduzido e melhorado. Tenho vários casos de alunos com graus de Astigmatismo considerado alto que conseguiram resultados efetivos com os exercícios corretos e regulares. Mas, você primeiramente precisa entender o que essa alteração visual causa nos olhos.

Somente quando os raios de luz passam para dentro dos olhos e se concentram em um único ponto de sua retina, na parte de trás do olho, as imagens transmitidas para seu cérebro — por meio da visão — são nítidas.

No Astigmatismo, a Córnea é Curva

Em casos de Astigmatismo, a córnea ou o cristalino não são uniformes e redondos, mas curvos, semelhante ao formato de um dirigível. Isso faz com que os raios de luz não sejam refratados de forma correta e a imagem não fique igualmente focada. A visão parece borrada, dando origem a esse tipo de problema visual.

 

O Astigmatismo é caracterizado pelo formato de córnea mais curvo do que o normal.

 

O Astigmatismo pode ocorrer em combinação com a Miopia quando a córnea é curva demais ou o olho é mais longo do que o normal. Em vez de se focar justamente na retina, a luz é focalizada na frente da retina, resultando em uma aparência embaçada para objetos distantes.

Também pode ocorrer de o Astigmatismo estar ligado à Hipermetropia. Nesse caso, a córnea é pouco curva ou o olho é mais curto do que o normal. O efeito é o oposto da Miopia. Quando o olho está em um estado de relaxamento, a luz é focada na parte de trás, fazendo com que objetos próximos fiquem embaçados.

O Astigmatismo não é causado ou agravado pela leitura com pouca luz, sentar muito perto da televisão ou Estrabismo. Uma causa importante é coçar o olho, prática muito comum em clima seco e de alta concentração de poeira no ar.

Principais sintomas do Astigmatismo

Entre os sintomas está embaçamento da visão quando você tenta se concentrar em objetos em diferentes distâncias. O Astigmatismo também afeta sua visão de perto, como na leitura. Se não for corrigida, a doença leva a dores de cabeça, fadiga e dor nos músculos ao redor dos olhos. Durante a consulta com o médico oftalmologista, é feito um teste para Astigmatismo que vai detectar qual é o grau da doença nos olhos.

Leia sobre:  Diplopia (Visão Dupla)

Outros sinais de Astigmatismo

  • Não conseguir ler letras pequenas.
  • Visão dupla.
  • Incapacidade de ver de perto e de longe sem apertar os olhos.
  • Fotofobia (sensibilidade à luz).
  • Piora da acuidade visual à noite.

Fatores de risco

  • Histórico familiar de Astigmatismo.
  • Miopia.
  • Origem étnica nativo-americana, hispânica, brasileira ou do leste da Ásia.
  • Trauma ocular ou cirurgia.
  • Outras doenças oculares como Ceratocone.
  • Prurido ocular (coçar os olhos).

4 Cuidados essenciais com sua Córnea

O primeiro deles é manter sua córnea lubrificada. A córnea é a primeira camada do olho, uma membrana que fica logo na frente e por onde a luz passa. Ela precisa estar bem úmida e, para isso, você precisa piscar. Isso mesmo! Pisque a cada três ou quatro segundos para garantir que sua visão fique sempre lubrificada. Além disso, a lágrima também ajuda a proteger os olhos, já que espalha anticorpos que inibem os agressores que possam vir pelo ar.

 

Tire da sua rotina o mau hábito de forçar e esfregar os olhos

Quando isso acontece, você cria uma espécie de Astigmatismo temporário. Ao esfregar, coçar, forçar e apertar, a visão fica embaçada porque você modifica o formato da sua córnea. Ela é uma estrutura flexível, depois volta ao normal. Porém, se você apertar os olhos frequentemente, acaba mudando o formato das córneas e criando um problema visual.

Nunca force sua visão. O astigmatismo tem tratamento natural. Então, ter bons hábitos ajuda nisso. Se sentir algum incômodo é porque está com os olhos estressados e o descanso é necessário. Caso algo tenha caído no olho ou precise coçar, use a costa da sua mão! Passe-a levemente no olhar, como se fosse um tecido de seda.

Evite o uso de lentes de contato

Você também precisa do oxigênio nos olhos. Por isso, evite as lentes de contato. Ela dificulta a absorção dessa substância. O oxigênio é importantíssimo para você enxergar bem e uma das formas dele chegar à sua visão é por meio da córnea. Se você usa a lente de contato, você dificulta esse processo.

Para melhorar isso, invista nos exercícios visuais e use os óculos somente quando necessário. Os exercícios são naturais e auxiliam na redução de grau. Não faça uso contínuo das lentes de contato. Deixe-as para ocasiões especiais e esporádicas.

Leia sobre:  Ambliopia (Olho Preguiçoso)

Exercícios visuais para quem tem Astigmatismo

Um exercício fantástico e que ajuda muito é o alongamento visual. Além de movimentar os músculos externos dos olhos também acaba por alongar a córnea, que precisa ser lisa e muito regular.

Posicione-se com a cabeça reta, olhando para frente. Coloque seu dedo indicador direito posicionado ao lado do rosto, em uma distância média. Com o rosto parado, olhe para o dedo – mexendo apenas os olhos. Então, pisque cinco vezes nessa direção. Repita o mesmo passo para o lado esquerdo, cima e baixo.

Nesse momento, não prenda a respiração, pisque com calma e faça tudo de forma bem relaxada. É importante, também, não franzir a testa nem abaixar a cabeça. O exercício pode ser feito diversas vezes ao dia.

Depoimentos de alunos que reduziram Astigmatismo

Antonio conseguiu melhora para Astigmatismo e Miopia em apenas três meses de aulas::

Yeda melhorou 50% de Astigmatismo e zerou Hipermetropia em três meses de curso:

Helga reduziu Astigmatismo e deixou de usar óculos:

Nilza superou Astigmatismo, Miopia e Hipermetropia e outros diagnósticos negativos:

Carmelita zerou o grau de Astigmatismo:

Graziele diminuiu Astigmatismo e Miopia Alta:

 

Dúvidas sobre Astigmatismo

Como é feita a cirurgia de Astigmatismo?

São dois tipos básicos de cirurgias de correção a laser. Ambas utilizam anestesia local. Os procedimentos têm o objetivo de corrigir o formato da córnea para a formação correta da imagem, seja com a utilização de laser direto nos olhos ou com a colocação de uma lente de contato para evitar dor no pós-operatório.

O que é Astigmatismo irregular?

É a imperfeição característica da córnea que provoca o Astigmatismo. O normal é que a essa estrutura seja lisa. Com esse problema visual, ela torna-se mais curva e irregular

O que é Hipermetropia e Astigmatismo?

Na hipermetropia, a visão para perto fica comprometida e embaçada e existe dificuldade para focar os objetos. É causada por má formação do globo ocular. Já o Astigmatismo, provoca visão borrada e distorcida em todas distâncias por conta do formato da córnea que se apresenta mais curvo do que o normal.

O que causa Astigmatismo nos olhos?

As causas podem ser histórico familiar da doença; Miopia; hábitos como coçar e apertar demais os olhos, que podem com o tempo modificar o formato da córnea, deixando-a mais curva. Além de cirurgia ou trauma ocular e também Ceratocone, doença visual que deixa córnea em forma de cone.

O que significa Estigmatismo?

Propriedade que determinados sistemas ópticos apresentam de fazer concorrer numa imagem pontual os raios provenientes de outro ponto (ou objeto). Em geral, atribui-se erroneamente a palavra estigmatismo para pessoas com Astigmatismo, alteração visual que provocada visão borrada por uma deformação da córnea.

IMPORTANTE

Os exercícios visuais NÃO substituem o tratamento médico oftalmológico convencional. Consulte regularmente o seu oftalmologista, pois o método de exercícios naturais para os olhos é complementar à sua saúde visual. Não desautoriza nem desestimula, de forma alguma, a continuidade do tratamento médico oftalmológico.
Em caso de dúvida ou desconforto em seus olhos, procure o médico oftalmologista. Só ele é autorizado a fazer diagnósticos e a receitar ou suspender qualquer tipo de medicação.Não se automedique nem suspenda qualquer tipo de medicamento ou de tratamento sem a autorização do seu médico oftalmologista.

Quer saber mais e receber dicas como essa com exclusividade? Faça parte da lista VIP colocando seu email abaixo.

2 Comentários

  1. Nível 01 05/12/2018 at 13:40

    Olá, Ana, tudo bem?

    Obrigada por entrar em contato com a Tatiana! Faço parte da equipe dela e estou aqui para ajudar.

    Você vai receber a resposta no seu e-mail. Lembre-se de verificar caixa de spam e lixo eletrônico.

    Obrigada por fazer parte do nosso dia a dia!

    Lilian
    (Equipe Tatiana Gebrael)

  2. Ana Raquel uchoa 05/12/2018 at 02:23

    Boa noite… Meu filho foi diagnosticado com estigmatismo 3 graus. Poderia me explicar a diferença de astigmatismo e os exercícios de astigmatismo pode ajuda lo a reduzir o grau ou ate deixar de usar o óculos,
    Obrigada!

Deixe seu comentário, dúvida ou sugestão